Busca

Os jovens poloneses em encontro no final de 2018, na Espanha Os jovens poloneses em encontro no final de 2018, na Espanha 

Comunidade de Taizé promove atividades para jovens cristãos e muçulmanos

Os trabalhos para a juventude cristã e muçulmana dos 18 e 35 anos começaram ainda nesta sexta-feira (23) ao aprofundar o documento «Fraternidade Humana para a Paz Mundial e a Coexistência Comum». Para a próxima semana, a comunidade vai oferecer um percurso especial sobre “questões ecológicas e ambientais”.

Manoel Tavares - Cidade do Vaticano

Ouça a reportagem e compartilhe

Para além da vida comunitária, que se vive, habitualmente, em Taizé, na França, a Comunidade Ecumênica está organizando encontros e ateliês, neste fim de semana, para cristãos e muçulmanos. Participam do encontro jovens entre os 18 e os 35 anos, que entram em contato pessoal e espiritual com coetâneos cristãos e muçulmanos.

Documento sobre a Fraternidade Humana

Na sexta-feira (23/8), os participantes se dedicaram à importância e novidade do documento, publicado por ocasião do histórico encontro do Papa Francisco com o Grande-Imame e Xeque de Al-Azhar no Egito, em fevereiro de 2019. O documento «Fraternidade Humana para a Paz Mundial e a Coexistência Comum» foi apresentado por um Imame de Paris e um sacerdote de Lyon.

Tema da hospitalidade

Neste sábado (24/8) a Comunidade de Taizé propôs um encontro sobre o tema da hospitalidade, animado por outro imame da região de Paris e um sacerdote de Marselha.

Este fim de semana, por conseguinte, é dedicado a ateliês, onde são dados vários testemunhos concretos de diálogo e amizade. Os cristãos podem assistir à oração dos muçulmanos.

Percurso sobre questões ambientais

No âmbito dos encontros, organizados pela Comunidade de Taizé, foi proposto um percurso especial sobre “questões ecológicas e ambientais” durante toda uma semana, de 25 de agosto a 1° de setembro.

Especialistas em ecologia farão conferências e mesas-redondas, abertas a todos os participantes, ilustradas com atividades práticas e artísticas: testemunhos de diversos países sobre a urgência da mudança climática, já em andamento; compreender melhor as problemáticas atuais; Esperança da Criação, diante dos desafios ecológicos; iniciativas sobre a urgência climática.

Os encontros promovidos pela Comunidade de Taizé preveem, enfim, momentos de reflexão sobre as iniciativas concretas em áreas específicas: biodiversidade, energia, reciclagem, poluição dos mares.

24 agosto 2019, 14:42