Busca

Papa: o povo ucraniano está todos os dias no meu coração

Após rezar o Angelus, o Pontífice começou saudando os romanos, cujos Santos padroeiros, Pedro e Paulo, são celebrados neste dia 29 de junho e enviou um abraço ao querido irmão Bartolomeu I. Por tradição nesta Solenidade, o Patriarcado de Constantinopla envia uma delegação a Roma, gesto retribuído pelo Vaticano que envia uma delegação à Istambul na festa de Santo André em novembro.

Jackson Erpen - Cidade do Vaticano

Ouça e compartilhe

Um longo trabalho, que exigiu paciência, dedicação e criatividade. Mas o resultado era perceptível no olhar dos peregrinos e turistas que desde cedo começavam a chegar nas cercanias da Praça São Pedro, muitos dos quais para participar da Missa na Solenidade dos Santos Pedro e Paulo. Trata-se de tapetes feitos com pétalas de flores, sal colorido e outros materiais, enfocando o tema da paz. A pomba branca com o ramo de oliveira, por exemplo, era uma constante nas várias obras espalhadas sobre a Via da Conciliação, que traziam desenhos ainda de Jesus Crucificado, Nossa Senhora, São Francisco, São Vital mártir.

E a iniciativa da Associação "Pro Loco", que chega a sua décima edição, inspirou o Papa Francisco no pós-Angelus a pedir para não nos cansarmos de rezar pela paz: 

Dirijo uma calorosa saudação e uma felicitação especial aos romanos, na festa dos Santos padroeiros Pedro e Paulo! Agradeço à Pro Loco de Roma, que para a ocasião organizou a histórica "infiorata" (exposição floral), criada pelos mestres "infioratori" (de flores) de várias Pro Loco da Itália e que chega a sua décima edição: vejo alguma daqui ... Foram feitos belos tapetes florais inspirados na paz, e isso nos diz para não nos cansarmos, por favor, de rezar pela paz, especialmente pelo povo ucraniano, que está todos os dias em meu coração.

O Santo Padre também renovou sua saudação à Delegação do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla, que participou na Santa Missa celebrada pouco antes na Basílica de São Pedro, e enviou um abraço "ao meu querido irmão, Sua Santidade Bartolomeu."

Francisco então saudou os presentes na Praça São Pedro para o Angelus, "começando pelos fiéis que vieram festejar os arcebispos metropolitanos, para os quais abençoei os pálios esta manhã; e depois os grupos do Brasil, Croácia, México, Nicarágua, Polônia, Estados Unidos da América e de várias localidades da Itália."

A todos, disse ao concluir, "desejo uma boa festa e, por favor, não se esqueçam de rezar por mim. Bom almoço e até logo!"

Obrigado por ter lido este artigo. Se quiser se manter atualizado, assine a nossa newsletter clicando aqui

29 junho 2023, 12:22