Busca

Soldado ucraniano toca violino em trincheira no front Soldado ucraniano toca violino em trincheira no front  (AFP or licensors)

Aniversário da guerra na Ucrânia recordado nas notas sacras de Haydn

A célebre Missa em Ré menor "In angustiis" será a protagonista do programa "Per Orchestra" transmitido pela Rádio Vaticano, seguida por três concertos sacros de Bortniansky, autor russo de origem ucraniana, que viveu entre os séculos XVIII e XIX.

Pierluigi Morelli - Cidade do Vaticano

A transmissão “Per Orchestra” pela Rádio Vaticana neste sábado, 24 de fevereiro, às 22h00 (horário italiano), terá um andamento particular. As notas protagonistas serão as de Franz Joseph Haydn e sua famosa Missa em Ré menor “In angustiis”. A escolha desta música com o seu início altamente dramático pretende acompanhar a memória do segundo aniversário da invasão russa da Ucrânia. Será possível ouvir a primeira parte, escrita em pouco mais de um mês pelo autor e interpretada pela primeira vez em 23 de setembro de 1798.

A “Nelsonmesse”

 

A Missa reflete a angústia gerada no autor pelas notícias que chegavam sobre as guerras napoleônicas que inflamavam a Europa, tanto que logo depois a Missa foi apelidada de "Nelsonmesse", justamente para sublinhar a vitória naval do almirante inglês sobre a frota de Bonaparte .

Música da terra ucraniana

 

Após a Missa de Haydn, seguirá a transmissão de três dos Concertos Sacros de Dmitri Stepanovic Bortniansky, autor que trabalhou principalmente na Rússia, mas que era ucraniano de nascimento e educação, e escreveu uma coletânea de Concertos Sacros, assim chamados porque se baseavam na estrutura do Concerto instrumental em três movimentos, porém adaptado ao coro, e utilizando textos litúrgicos ou paralitúrgicos. A transmissão, assim como todos os demais programas musicais, poderá ser ouvida  em podcast.

Obrigado por ter lido este artigo. Se quiser se manter atualizado, assine a nossa newsletter clicando aqui

24 fevereiro 2024, 07:00